Gastronomia 16 de outubro de 2014
Restaurante La Chaumière tem ex-presidentes cativos na clientela

BRASILIA_Rest_La_Chaumiere__shutterstock_121457821

Se você chegar ao La Chaumière, em Brasília, e perguntar por Severino Alves Xavier pouca gente vai lhe dar ouvidos. Porém se chamar por Severin logo aparecerá o chef e dono do lugar, um francês de São Joaquim do Monte, Pernambuco. É que os antigos proprietários Madame Lucette e Monsieur Roger Noel levaram o jovem nordestino a uma viagem gastronômica pela França onde pode aperfeiçoar os seus conhecimentos. Daí para virar Severin foi um pulo.

Anos mais tarde, em 1975, Severino ou Severin compraria o restaurante onde comanda a cozinha com a ajuda da esposa e do filho. Famoso, o Steak au poivre (filé-mignon, flambado no conhaque, molho de pimenta-verde ou preta e arroz) sai por R$ 96,50. Pelo mesmo preço, a casa oferece o Coq au vin (frango cozido em molho de vinho).

Com apenas sete mesas à disposição da clientela composta por muitos políticos como os ex-presidentes Fernando Henrique Cardoso e José Sarney, o La Chaumière tem uma carta de vinhos onde figuram os Chablis Louis Latour, Quintay Clava Reserva e Margoux Thomas Barton Reserve. Para sobremesa, a banana flambada com sorvete de creme sai por R$ 24,50. E derrete até os corações mais incrédulos.


RESTAURANTE LA CHAUMIÈRE

Site: www.lachaumiere.com.br