Cuidar de você: veja o que temos feito em relação à COVID-19
Roteiros 15 de outubro de 2020
O que fazer na Avenida Paulista — Masp e Muito Mais

Sem dúvidas, a avenida mais icônica de São Paulo não pode ficar de fora de um roteiro pela capital. Não faltam opções de passeios culturais, parques, lojas e bons restaurantes na região. E o melhor: dá para chegar de metrô! Quer saber o que fazer na Avenida Paulista? Continue a leitura e descubra!

1. MASP

Ele abre às 10h da manhã e vale uma visita. A volta dos cavaletes de cristal de Lina Bo Bardi está com um visual incrível (foto). Com legendas no verso das obras, o visitante é instigado a caminhar entre artes asiática, africana, brasileira e europeia.

Da série “Programa Imperdível em São Paulo”, o MASP conta com mais de 8 mil peças em seu acervo, com obras de Rafael, Bellini, Delacroix, pinturas de Renoir, Monet, Cézanne, Toulouse-Lautrec, El Greco, Goya e Velázquez. E mais: originais de Van Gogh, Gauguin, Modigliani, Candido Portinari e Anita Malfatti. Esculturas, gravuras, fotografias, cerâmicas e tapeçarias também estão entre as atrações.

Fundado em 1947, o Museu tem projeto arquitetônico ousado de Lina Bo Bardi. Fica suspenso por dois pórticos a oito metros de altura, com vão de 74 metros entre os pilares. O famoso Vão do Masp recebe uma feira de antiguidades aos domingos.

2. Parque Trianon

Depois de passear no museu, que tal descansar em meio ao verde? Exatamente em frente ao MASP fica o Parque Tenente Siqueira Campos, conhecido popularmente como Parque do Trianon. Projetado pelo paisagista francês Paul Villon e o inglês Barry Parker, o local oferece mais de 48 mil m² de vegetação original da Mata Atlântica em plena Avenida Paulista.

Dentre as distrações estão pracinha infantil, aparelhos de ginástica e a Trilha do Fauno, com 600 metros, repleta de esculturas, como a do “Fauno” de Victor Brecheret e “Aretusa’, de Francisco Leopoldo Silva. 

3. Casa das Rosas

A Casa das Rosas é uma mansão em estilo clássico francês, de 1935, que por si só já vale a visita. São 30 cômodos ricamente preservados, quadras, pomar e um jardim que deu origem ao nome do lugar por possuir, antigamente, um dos mais lindos roseirais da cidade.

Transformada no Espaço Haroldo de Campos de Poesia e Literatura pelo governo do Estado (SP), desde 2004 oferece cursos, oficinas de criação e crítica literárias, palestras, apresentações literárias e musicais, recitais, saraus, peças de teatro, exposições, contação de histórias para as crianças, entre outras atrações como a primeira biblioteca do país especializada em poesia.

4. Livraria Cultura

Localizada dentro do Conjunto Nacional, a Livraria Cultura é um dos marcos da Avenida Paulista. O local possui três pisos que totalizam 4300 m², além de ser lindo! Por lá, você encontrará livros, revistas, gibis, vinis e itens de papelaria. No final do passeio, ainda é possível degustar um café no térreo da livraria. 

Gostou de saber o que fazer na Avenida Paulista? Aproveite para ler também o nosso post sobre passeios baratos em São Paulo