Amigos 4 de fevereiro de 2016
Grumari é reduto de surfistas e de quem busca tranquilidade

Nem só de Copacabana e Ipanema vive a fama do Rio. A cidade praiana tem paraísos de areia e mar a perder de vista, muito apreciados, como Grumari.

RIODEJANEIRO_MATERIA_Grumari_Site_Pref_Rio_EDITORIAL
Foto: Site Prefeitura Municipal do Rio de Janeiro

Sem o agito de pessoas se espremendo por um lugar na areia, vendedores ambulantes gritando nos seus ouvidos e a bola do futevôlei caindo em cima de você, em Grumari você vai encontrar surfistas em busca de suas ondas perfeitas, ler seu livro sossegado ouvindo uma musiquinha sem concorrência, saborear pratos servidos nos charmosos restaurantes, como o Point de Grumari, com vista para as lagoas da Barra de Guaratiba.

Com quase 2,5 quilômetros de extensão, a praia fica na Zona Oeste, distante 20 quilômetros do centro da Barra de Tijuca e faz parte de uma reserva ambiental, juntamente com a Prainha, reduto do surfe carioca.

O acesso é feito a partir do bairro do Recreio dos Bandeirantes, pela avenida do Estado da Guanabara. Há estacionamento ao longo da orla, mas atenção: a entrada na área é permitida das 9h às 15h ou assim que a capacidade de 600 vagas tiver sido atingida. Chegue cedo.

Caso não esteja motorizado, empresas que oferecem o itinerário completo pela região, levam e buscam nos hotéis ou onde você estiver e quiser. Informe-se no seu hotel para reservas, coloque o boné, protetor solar e um sorriso no rosto. E boa praia!